ALIMENTOS E MAIORIDADE DO FILHO: EXTINÇÃO AUTOMÁTICA?

Há controvérsias na jurisprudência.Depende da situação de cada caso.
Se o filho comprovar que ainda estuda, em nível superior, poderá continuar pensionado até os 24 anos.
Veja como decidiu o Tribunal de Justiça de Sergipe, seguindo o entendimento do Superior Tribunal de Justiça, no sentido de que o advento da maioridade não extingue de forma automática a percepção de alimentos, que podem continuar sendo devidos em razão do parentesco e no dever de assistência entre pais e filhos.(http://www.familiaesucessoes.com.br/Acórdão-TJSE)

 

Palavras-chave: , , , , , , ,

 

Compartilhe este texto



 
 
 
 

Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *